Como tudo começou !!!

Comunidade Tatuadores sem Fronteiras


A pedido de muitos vamos contar como tudo começou...


Era uma vez um tatuador fora da caixinha, um empresário que sempre trabalhou com vendas, mais tinha o dom para desenhos e artes. Imagina uma pessoa cheia de ideias, sempre testando e inovando, pois é , esse era ele, decidiu que não queria ser um tatuador comum, queria inovar não só no serviço , mais no atendimento, durante muitos anos, sempre ouvimos reclamações de clientes sobre o atendimento de alguns profissionais, referente a atrasos, gírias, músicas pesadas, ou comportamento estranho dentro dos estúdios, para muitos isso não significava nada, mas para ele era tudo, os detalhes faziam a diferença, pois sempre trabalhou com vendas e prezava muito pela maneira que o cliente deveria ser atendido. Juntando um atendimento bom e exclusivo, junto com um novo nicho, pouco explorado pelos colegas da profissão, pois existia um enorme preconceito em se mexer na arte de outro profissional. Ele não só provou como era possível mexer, melhorar e mudar a autoestima de milhares de pessoas, através da reforma e cobertura. Mais como tudo que é bom nessa vida, quando as pessoas descobrem que podem mudar ou melhorar suas tatuagens, todos correm em busca dos melhores profissionais, e com isso o profissional se viu sobrecarregado, muitos atendimentos durante a semana, pouco tempo para o lazer ou descanso com a sua família, fora isso , ele começou a ter dores na mão que era sua ferramenta principal de trabalho, esse conjunto fez ele decidir que deveria compartilhar seu conhecimento com outros colegas da profissão, havia muitos pedidos de atendimentos em diversas regiões de são Paulo, e várias cidades pelo Brasil . Ao começar a pandemia os agendamentos multiplicaram de uma forma excepcional, tornando o tempo de espera maior que um ano, o que fez a decisão de criar uma comunidade, onde os profissionais teriam todo o auxílio, para mudarem não só o perfil de seus estúdios, mais o comportamento em si, pois já havia um grande público à espera de profissionais especializados. A vida dele mudou muito, não financeiramente, mas mentalmente ao perceber as lagrimas de gratidão, de cada cliente ao ver sua tattoo finalizada, a satisfação de ver o seu trabalho levando alegria não tem preço.

Eis que surge os Tatuadores sem fronteiras, uma comunidade feita para ensinar a reforma e cobertura, especializar diversos profissionais, de várias regiões e cidades, indicando clientes, pois ele já tinha um a longa fila de espera, pronta para ser compartilhada com os profissionais da comunidade, alguns da primeira turma, já começaram a agendar os clientes, antes mesmo de começar o curso, pois ao divulgar já começou a ter fila de espera. Ao fazer de seu estúdio o primeiro estudio especializado em profissionais da reforma e cobertura, conseguiu não só se ajudar, como mudar a vida desses profissionais e reduzir o tempo de espera dos clientes. Imagine que você atende 5 clientes na semana, após o curso passar a atender isso em apenas um dia? Já pensou nisso? Pois e, os especialistas percebem a mudança em suas agendas, o que muda suas vidas financeiras, seu pensamento sobre a arte, uma quebra de paradigmas de que a tattoo tem que ser uma escolha só para a vida toda. Essa história te inspirou? Já conhece o criador do método que vem mudando a vida de muitos? Não. Então corra e se inscreva nesse curso, caso precise de uma pequena prova (o ser humano sempre quer provas) analise e converse com os profissionais da comunidade e descubra o que ela trouxe de mudança na vida deles. Você se preocupada com a satisfação do seu cliente? Quer mudar vidas e trazer autoestima para algumas pessoas? Quer mudar sua vida financeira e transformar o seu atendimento? Então venha conhecer nossa comunidade e se torne um especialista. Abaixo pequenos trechos de tatuadores que estão na comunidade.


“ Paguei o investimento do curso, com apenas uma semana trabalhando nesse nicho”


“ Nunca pensei que teria um aumento na agenda em plena pandemia”


“Eu nunca gostei de mexer na arte de outra profissional, mais na comunidade eu aprendi, que não estou mexendo na arte alheia, estou melhorando ou transformando a arte daquela pessoa”

“ Passei a ver meu trabalho de uma forma diferente, não penso só na minha arte ou no dinheiro, eu me preocupo primeiro, se o cliente vai ficar feliz e satisfeito”

“ Enxerguei pontos ruins que eu tinha no meu espaço, melhorei e agora estou atendendo mais clientes na minha cidade”

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo